domingo, 17 de fevereiro de 2013

Pessoas inteiras...


"Gosto de pessoas inteiras, de beijos inteiros, abraços inteiros, sorrisos inteiros, sentimentos inteiros, gente pela metade me dá sono! Eu nunca tive muita paciência pras coisas. Ou é. Ou não é. O "mais ou menos" me tira as vontades.
Gosto de quem me abraça tentando ser um, de energias positivas, de verdade no olhar e risos soltos, não confio em quem não dá gargalhadas.
Gosto de pessoas... pessoas com alma de artista, que o belo comove, que pega na minha mão, que chora ouvindo música, que contempla o pôr do sol. Que anda descalso na grama, que me pega no colo, que me faz rir e ouve minhas histórias. Eu sou uma eterna apaixonada por palavras, música. Não me importa seu sobrenome, onde você nasceu ou quanto carrega no bolso. Me importa se você é inteiro, arrisca o verso e desafia a vida."

- Michelle Nepomuceno

quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Um pouco de art... Pointillist Power

Criar grandes coisas com pequenas peças, arte pontilhista.

Essa é a idéia do artista Philip Karlberg, essa é uma campanha para uma famosa marca de óculos.

Eu adorei!!!






 

segunda-feira, 20 de agosto de 2012

Moda no MAB

Meninas, começou uma descolada e bela exposição,,, a Moda No Brasil: criadores contemporâneos e memória.

A mostra apresenta alguns dos mais significativos momentos dos diversos segmentos que sustentam o percurso da moda nacional e traz um olhar diferenciado sobre o desenvolvimento desse segmento, acompanhado por recortes e focos temáticos.








O divertido nessa mostra também é viajar no tempo,, conhecer um pouco mais dos estilistas e modistas que fizeram parte da nossa história e levaram o nome do Brasil para o mundo.





Eu vou.. e você??

A mostra fica no MAB-FAAP – Sala Annie Penteado,  Rua Alagoas, 903 – Higienópolis
De De 12 de agosto a 30 de setembro de 2012
Terça a sexta, das 10h às 20h
Sábados, domingos e feriados, das 13h às 17h
(Fechado às segundas-feiras, inclusive quando feriado)

E o melhor á entrada é gratuita!!!


Bjokas





Sou apaixonada por...

Eu sou apaixonada por pessoas que não precisam de poses em fotos para serem consideradas perfeitas ou de imensas listas de amigos para serem eternamente queridas. Sou apaixonada por pessoas que com o simples me conquistam e com o complexo se tornam divertidamente agradáveis de se terem por perto. Sou apaixonada por muitas e muitas pessoas, e isso já se tornou inevitável... Mas entre tantas e tantas paixões posso dizer acima de tudo que sou apaixonada mesmo é por aquelas pessoas que não fazem esforço algum para serem elas mesmas. Essas sim sabem viver suas vidas sem frustrações, sem arrependimentos sobre aquilo que foi falado ou feito e nem sobre aquilo que possa ou não constranger. Sou apaixonada por quase todas as coisas no mundo, mas sinceramente? Essas pessoas que carregam consigo um sorriso a todo momento e um olhar que cativa até o mais triste dos tristes... Essas sim sabem me tirar do eixo. Essas sim me tiram de toda e qualquer razão. Essas...
me fazem querer sair na rua a procura delas - Na verdade é o que eu ainda continuo a fazer diariamente. Eu sempre procuro um sorriso onde eu possa ficar e um olhar que vá me marcar... Quem sabe hoje eu não encontro mais uma dessas admiráveis pessoas? Quem sabe hoje eu não encontro uma grande e inesquecível pessoa? Vai saber né vida? Vai saber... A gente só sabe quando tenta... A gente só tenta quando se predispõe realmente a viver... Sendo assim, aqui vou mais uma vez. Aqui vou eu a procura de mais um bocado dessas pessoas... Aqui vou eu a procura da simplicidade e principalmente da felicidade! Me espera aí onde quer que você esteja. Tenho certeza que um dia eu ainda vou te encontrar e te fazer parte desse meu universo de paixões... Mas até lá eu vou continuar a me apaixonar cada dia mais por tudo ou quase tudo... Por todas ou quase todas... Por todas as oportunidades e quase todas as ocasiões... Ah, essas pessoas que me fazem feliz sem ao menos saber... Ah, essas pessoas que me fazem feliz sem ao menos me conhecer... São ou não são para se apaixonar?
 
 

quinta-feira, 19 de abril de 2012

Ah! Se eu pudesse..





Ah! se eu pudesse...

Gritaria ao mundo para não machucar quem amamos. Se eu pudesse colheria todas as flores para te dar. Se eu pudesse mandaria ladrilhar as ruas por onde pisas e de cada oração eu faria um manifesto da verdade, e não haveria mais dúvidas, nem incertezas no seu coração.
Ah! Se eu pudesse deixar para todos uma única lição seria a lição que aprendi e que está mudando a minha vida, ensinaria a amar sem distinção. Porque o amor é fonte inesgotável de perdão, é chama intensa que aquece os corações secos, levanta os caídos, renova esperanças.
E por amor, só por amor, posso desejar tudo para você, até o impossível para um simples mortal. Porque o amor nos transforma em algo melhor, e nos dá essa certeza de que não morremos, passamos para a eternidade, porque vivemos para sempre no coração de quem amamos.


Por amor, escrevi para você... Eu acredito no seu perdão e acredito mais do que nunca no amor que sinto por você!


terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Cate Parr - Fashion Ilustrador

Qualquer um que já olhou várias formas de arte visual pode atestar que a pintura de aquarela é uma das mais desafiadoras!!
Por isso minha imensa admiração por esse artista Cate Parr, ilustrador de moda que encanta com suas obras de arte e arranca suspiros com tanta beleza!!!









segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

Labirinto de Arte!


Cabeça de Cartaz / Mauricio Anzeri


Cabeça de Cartaz 2/ Mauricio Anzeri


Esvaecendo/ Kate Mccgwire


Por Onde Você anda?/ Autor desconhecido


Falando de Cores/ Autor desconhecido


Cores leves/ Autor desconhecido


3DART/ Autor desconhecido


Cubos/ Autor desconhecido


3DART/ Autor desconhecido


3DART/ Autor desconhecido


Autor desconhecido

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

" Ainda Bem..."



Ainda bem que sempre existe outro dia. E outros sonhos. E outros risos. E outros amores. E outras pessoas. E outras coisas ⁠....

 Michelle Nepomuceno

Beijos




terça-feira, 20 de setembro de 2011

"Nos Mulheres..."


Nós, mulheres somos assim: loucas por sinais. Não falo em sinais de trânsito, nem em símbolos matemáticos. Na verdade, somos peritas em ACHAR que sabemos DECIFRAR o universo masculino. É. Descobrir o que existe por trás do que os homens dizem. De cada frase. Cada email. Cada telefonema. Cada recado no facebook. Para nós, o que os homens falam não significa apenas palavras ditas. NÃO. Procuramos o que fica no ar. O que mora nas entrelinhas. Afinal, somos mulheres, certo? E ganhamos a condição de sermos intuitivas, mesmo quando pegamos a pobre da intuição e a transformamos em refém. É, reféns. Para escondermos nosso pior lado. Aquela faceta que cada uma de nós esconde sutilmente na bolsa.
Sinto dizer, mas existem horas em que estamos erradas. EQUIVOCADAS. Não é nossa intuição falando. É a insegurança. São traumas de outros relacionamentos. Carência. Ciúme. E outras particularidades do nosso lado negro – ou não tão claro - que insistimos em esconder. Quer um exemplo? Seu namorado te liga sexta-feira à noite com uma voz não muito animada. Não interessa se ele trabalhou demais, se está preocupado, se viajou a madrugada inteira. Dependendo do nosso humor (e da época do mês), a gente logo pensa: AÍ TEM.
E começamos a procurar sinais que - às vezes – nem existem. Pode ser que estejamos certas, homens safados existem desde que o mundo é mundo. Mas a questão é: ONDE ESTÁ O LIMITE ENTRE A NOSSA INTUIÇÃO E A PARANOIA? Pensem bem. Se for intuição, ponto pra nós! (Somos boas nisso, de verdade). Mas se for apenas imaginação (ou devaneios da nossa mente fértil), vai chegar uma hora em que, de fofa e bem-resolvida, nos transformaremos em uma chata de galocha. É. Uma CHATA. E não vai ser um piscar de olhos charmosos (nem a sua inteligência e bom humor) que vão fazer o cara (é, o seu amor) parar de ter preguiça de você. Mentira minha?

É, gente, não há nada mais broxante que ciúme excessivo. Um pouquinho ainda vai, é saudável e pode ser até charmoso. Mas quando a pessoa vira uma maníaca obsessiva, MEU BEM, não há amor que resista. Eu escrevi uma vez (e isso serve para mim também) que a gente não pode confiar em ninguém se não confia em si mesmo. Se eu decorei? Bom, estou tentando.
E mesmo canceriana carente que sou, me lembro todo dia, antes de começar a “imaginar coisas”. Nós NUNCA vamos ter controle sobre a vida do outro. Nós NUNCA vamos impedir que nosso namorado, marido ou ficante façam o que bem entendam, mesmo sob nossa vigilância cerrada. E verdade seja dita: pode ser que AÍ TENHA COISA, SIM. Mas se tiver, não é mais problema seu. Nem meu. CONCORDAM?
Já disse uma vez que nossas escolhas nos fazem. E a consequência dos nossos atos é o que nos define. Para o bem. Ou para o mal. Taí o Schwarzenegger, o Tiger Woods e o ex-marido da Sandra Bullock – aquele vacilão – que não me deixam mentir.



Beijos

Mi

terça-feira, 12 de julho de 2011

"Gosta de lenços?"...

 
Os lenços sairam das gavetas e passaram a ocupar os cabides... os Carres estampados de seda, com brodas que lembram uma moldura, deixaram de ser apenas um complemento de charme para virar materia-prima de roupas inteira.
Como motivos de cavalaria, medusas, caveiras, mosaico, corrente maritimas, mapas e flores, os quadrados de seda que sao classicos de maison Hermes desde a decada de 1930- ganham ainda mais espaço nas ultimas temporadas internacionais de desfiles.






Na coleçao de verao 2011 das marcar Miu Miu, Celine e DKNY, os lencos se transformaram tambem em vestidos e camisas. Em marco deste ano, foi a vez da Chloe e Carven colocarem os "carres-roupas" em suas passarelas de inverno. No Brasil, Neon e Animale tambem apostaram na tendencia.

Eu amo lenços, e essas fotos foram tiradas por mim dos meus lenços.

Beijos Mi




















N

segunda-feira, 27 de junho de 2011

"Um dia a gente cria juízo..."





Não há nada que me deixe mais frustrada do que pedir sorvete de sobremesa,contar os minutos até ele chegar e aí ver o garçom colocar na minha frente uma bolinha minúscula do meu sorvete preferido. 
Uma só. 
Quanto mais sofisticado o restaurante, menor a porção da sobremesa. 
Aí a vontade que dá é de passar numa loja de conveniência, comprar um litro de sorvete bem cremoso e saborear em casa com direito a repetir quantas vezes a gente quiser, sem pensar em calorias, boas maneiras ou moderação. 

O sorvete é só um exemplo do que tem sido nosso cotidiano. 
A vida anda cheia de meias porções, de prazeres meia-boca, de aventuras pela metade. 
A gente sai pra jantar, mas come pouco. 
Vai à festa de casamento, mas resiste aos bombons. 


Adora tomar um banho demorado, mas se contém pra não desperdiçar os recursos do planeta.

Tem vontade de ficar em casa vendo um dvd, esparramada no sofá, mas se obriga a ir malhar.

E por aí vai. 




Tantos deveres, tanta preocupação em 'acertar', tanto empenho em passar na vida sem pegar recuperação... 
Aí a vida vai ficando sem tempero, politicamente correta e existencialmente sem-graça, enquanto a gente vai ficando melancolicamente sem tesão... 

Às vezes dá vontade de fazer tudo “errado”. 
Deixar de lado a régua, o compasso, a bússola, a balança e os 10 mandamentos. 
Ser ridícula, inadequada, incoerente e não estar nem aí pro que dizem e o que pensam a nosso respeito. 
Recusar prazeres incompletos e meias porções. 

Nós, que não aspiramos à santidade e estamos aqui de passagem, podemos (devemos?) desejar várias bolas de sorvete, bombons de muitos sabores, vários beijos bem dados, a água batendo sem pressa no corpo, o coração saciado.

Um dia a gente cria juízo. 
Um dia... 
Não tem que ser agora.

Por isso, garçom, por favor, me traga: cinco bolas de sorvete de chocolate... 
Depois a gente vê como é que faz pra consertar o estrago.

Mais Você

Fotos tiradas por mim,

Beijos Mi

terça-feira, 10 de maio de 2011

"Chanel, desfile em Saint- Tropez,,, Resort,, Ruas.. Mas cadê o esmalte????"




A Chanel lançou sua nova coleção em Saint-Tropez,,, achei o máximo,, os desfiles aconteceram no Resort e também nas ruas além de muuuuito chique,,, muito criativo



Mas as fãns esperavam anciosamente os esmaltes a final depois de um desfile da Chanel  a cor do esmalte lançada vira a queridinha de todos o mundo, mas dessa vez as modelos defilaram sem esmaltes, uma unica apareceu com um esmalte Azul bebe será que essa moda pega????




AMEEEIIIIIIIIII

Beijos, Mi


quinta-feira, 7 de abril de 2011

"Bichos no Outono..."


As clássicas onças pintadas marcam território em muitas peças nesse outono 2011, moda é um eterno recomeço, tirem tudo do baú e podem voltar a usar e liberar as felinas dentro de vocês.. Agora chegou à vez também de virar reptil !!!Mas não va levar ao pé da letra e sair por ai se arrastando no chao !!!!muito menos nos pés desses homens maravilhosos.
Bolsas ,sapatos,cintos,casacos e paletos vao dar o toque animal dessa nova década e liberar o nosso lado selvagem.
Junto com essas peles rusticas, vamos usar muitas raposas e visons e assim Viva o Outono 2011

dries van noten outono -inverno 2011/12
 
 
prada outono-inverno 2011/12
prada outono-inverno 2011/12
prada outono-inverno 2011/12
 
Um lindo Outono, namore muito e libere o bicho que há dentro de vocês
Beijos, Mi